21ª Conferência Internacional CHIME – Fundação Europeia para a Investigação da Música Chinesa

0
812

O Centro Científico e Cultural de Macau recebeu a 21ª Conferência Internacional CHIME – Fundação Europeia para a Investigação da Música Chinesa, com o tema “Chinese Music as Cross-Culture” que contou com a presença de cerca de 70 conferencistas de diversas proveniências. Um espaço de cooperação entre comunidades, com o objetivo de trabalhar com várias línguas e criar atividades transculturais, com impacto da china na Europa.

Para o Presidente do Centro Científico e Cultural de Macau, Luis Filipe Barreto, “a ideia é abranger vários públicos de forma a aumentar a cooperação em Portugal com a China. Fazer crescer Relações profundas e contactos” entre os países.

“Chinese Music as Cross-Culture” é uma conferencia que tal como o nome indica divulga a música chinesa como cultura cruzada. Com palestras, painéis, filmes e concertos da cultura chinesa, é um evento que constrói pontes entre os dois mundos

Enio Sousa, organizador do evento, faz destaque para o facto de esta ser “uma das grandes instituições na Europa que se dedica ao estudo de investigação da música oriental.” Reforça ainda que “é um privilégio acolher Portugal e este evento”.

Trazer a música da china para todos os países, é a missão desta edição da CHIME. Na cerimonia de abertura, assistiu-se a três concertos de compatibilidade entre o pipa chinês com sapateado americano que permitiram viajar, sem sair do lugar.

Um centro vocacionado para temas acerca da China e Macau e para as relações entre Portugal e China, Europa e a Ásia Oriental, no passado e presente… que abriga ações com formação e divulgação cultural do Oriente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here